Posts Tagged ‘relacionamento’

Seis mitos do Casamento (2)

11 junho 2008

Mito 2: Homens são de Marte e mulheres de Vênus.

Essa expressão, derivada de um livro muito conhecido por seu título, sugere que homens e mulheres possuem diferenças profundas e desejam fundamentalmente coisas diferentes em seus casamentos. Um dilúvio de livros populares tenta ajudar os casais a lidarem com suas diferenças, sob a premissa de que existe uma enorme lacuna entre o que homens e mulheres desejam.


São os homens e as mulheres tão diferentes de maneira a afetar o casamento? Conquanto a resposta, como podemos notar, seja “sim”, os livros populares negligenciam o importante fundamento comum existente entre o que o homem e a mulher almejam no casamento e suas necessidades e desejos. E, ainda mais importante, eles negligenciam o fato de que a evidente diferença entre os sexos tem estado ligada, na pesquisa, a casamentos infelizes, porquanto “existem muito poucas diferenças de sexo em casamentos felizes”. O “machismo tradicionalista”(refletido na dominante e controladora abordagem do casamento) está estatisticamente correlacionado a baixos níveis de qualidade no matrimônio.


Sim, existem algumas diferenças comuns que surgem com a pesquisa. Os homens, por exemplo, são mais propensos a retroceder quando existe um conflito marital, e as mulheres tendem a agir mais verbalmente. Isso provavelmente aconteça porque os homens tendem a “saturar-se” mais facilmente de emoções negativas, e levam mais tempo para se recuperarem fisiologicamente após uma discussão. Os homens também possuem a tendência de querer resolver o problema, enquanto as mulheres freqüentemente preferem um homem que as ouça. Os homens se inclinam a ser mais visuais na atração sexual, e menos influenciáveis no contexto da relação. As mulheres geralmente são mais peritas em se ajustar ao estado emocional de outras pessoas, e os homens tendem a ser mais competitivos na conversação.


O fato é que a pesquisa também mostra que homens e mulheres querem consideravelmente as mesmas coisas no casamento, e ambos relatam que a profunda amizade é o mais satisfatório num bom relacionamento. Listas de outros fatores que predizem um bom casamento mostram que há somente leves diferenças em como os sexos se posicionam, quanto ao que realmente os satisfaz numa relação íntima. Um dos segredos mais bem guardados no mundo dos relacionamentos é que o homem, em média, sofre mais complicações emocionais e físicas do que a mulher quando está sem relacionamento íntimo.

   

Casais que constroem sólidas relações estão sintonizados com as personalidades específicas de seus parceiros, e buscam uma firme amizade como base do bom relacionamento. Eles respeitam as diferenças entre os sexos quando elas existem, e buscam opções para satisfazer as necessidades um do outro. Conquanto a Bíblia, de certa forma, use uma linguagem diferente para descrever o papel do homem e da mulher no casamento, o elemento comum é, mutuamente, uma atitude altruísta em que ambos estão receptivos e atentos às necessidades do outro (ver Efésios 5:21-33). Essa não é a descrição de uma divergência selvagem entre o papel dos sexos, ou acerca do domínio do homem sobre a mulher, mas de uma associação amorosa e mútua onde ambos os parceiros estão dispostos a “caminhar a segunda milha” pelo bem do outro.

Diálogo Universitário l Série 5 minutos ( num 19 )

 

 

 
 

 

 

 

Anúncios