Archive for dezembro \15\UTC 2009

A Fuga do Rock (2)

15 dezembro 2009

Brian Neumann

Entrando em cena

Despontei no cenário musical local. A banda de que fazia parte chamava-se Primeira Página e se apresentava na televisão; nossa música era também tocada em algumas estações de rádio. Contatos com um produtor musical logo acrescentaram avanços à minha carreira. Tornei-me bom amigo de Manlio Celloti, dos estúdios HI-Z, que logo formou um grupo de três membros. Depois de gravar durante um ano em estúdios, estávamos prontos para viajar para além-mar.

Após três meses de estada na Alemanha, nossa banda de pop e rock, O Respeito, firmou contrato com a Discos Polydor, de Hamburgo. A gravadora lançou nosso disco Ela é Tão Mística em setembro de 1986. Esse lançamento abriu novas portas. A banda foi convidada a fazer parte de uma coleção alemã de LPs, com artistas do calibre de Janet Jac-kson e Elton John.

A vida se tornou uma miragem constante de programas, sessões de estúdio, entrevistas, mulheres, drogas e mais drogas. A essa altura, minha condição moral tinha-se deteriorado a tal ponto que nenhum tipo de vício me era estranho. Nesse meio tempo, o sucesso de nossas gravações produziram desavenças entre os membros da banda, e finalmente nos separamos.

Um dia depois de uma maratona de estúdio e uma orgia de drogas, acordei com o rosto no chão de um banheiro frio, na casa de uma vocalista de Hamburgo. Estava me afogando em meu próprio vômito, lutando pela vida. Contudo, achava-me bastante consciente para invocar o Deus de minha juventude, a quem eu havia esquecido há muito.

Ele, porém, não me tinha olvidado ou abandonado. Algo miraculoso ocorreu naquele dia. Meus rumos haviam provocado uma reviravolta importante, mas esse foi apenas o começo de uma viagem tortuosa, durante a qual experimentei muitas recaídas no rock, antes de libertar-me desse vício infame.

(continua…)

Diálogo Universítário
Série 5 minutos

Anúncios

That’s all folks

14 dezembro 2009

Por esse ano é só pessoal. O grupo teve o encerramento do ano no sábado à noite, 12. Teve amigo secreto, alguns discursos de despedida e armelin. A Neguinha e a Fabi se despediram do grupo como cantoras, mas não como amigas. Ainda iremos aos sábados à noite incomodar a Fabi (e o Márcio) até altas horas e também iremos comer lasanha na casa da Neguinha e do Samuel, que também está nos deixando.

Nesse ano algumas pessoas entraram, outras saíram, mais saíram do que entraram (enrolation do nosso diretor), mas o ano acaba para o grupo com boas notícias para o futuro. O cd! O tão sonhado cd de alguns anos está para ser lançado ano que vem. Deus tem aberto portas e cremos que está no controle de tudo.

Por isso continuamos orando pelo projeto do cd e pelo projeto principal do grupo, que é levar a mensagem da volta de Jesus e do amor do nosso Salvador através do nosso louvor.

Té ano que vem!

Grande Conflito

2 dezembro 2009

Estou lendo este livro e não cheguei à metade ainda, mas com certeza já é um dos melhores livros que li. O livro traz à realidade o conflito entre Deus e Satanás e como esse conflito é presente em nossa vida hoje e conta como a história pós Jesus é moldada por esse conflito. Em cada capítulo vemos como Satanás tenta destruir o povo de Deus à força, com guerras e opressão, e com enganações, mudando a Palavra de Deus, mas vemos também a mão poderosa de nosso Senhor protegendo os Seus filhos e a Sua palavra de todo o mal. Quem gosta de história se apaixona desde o primeiro capítulo quando Ellen White, inspirada por Deus, retrata as cenas da destruição de Jerusalém em 70d.c. por Tito e as tropas romanas. Com um pouco de imaginação você se sente lá na época da guerra. As reações do povo com algumas mães comendo os próprios flihos, do general romano não querendo invadir a cidade e por consequência destruir o templo e do exército são muito bem detalhadas.

Os próximos capítulos tratam da Idade Média. Ellen White conta como as leis de Deus foram mudadas aos poucos, quase que imperceptivelmente. Conta como a Palavra de Deus e seus seguidores foram perseguidos e levados à morte por não aceitarem as novas regras impostas pela Igreja Católica. Explica claramente e sem rodeios quem está por trás do Vaticano.

Como minha intenção não é contar todo o livro e sim fazer com que você fique com vontade de ler vou parar por aqui. Se você ler e quiser debater entre em contato conosco, nós estamos estudando-o no pequeno grupo. Daqui a pouco vamos estudar o capítulo 8 – “O Poder Triunfante da Verdade” que fala sobre Lutero.

Leia esse livro! Com certeza vai mudar a sua vida.